quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Função das folhas


Fotossíntese 

É uma série de reações que resulta na produção de açúcares a partir de gás carbônico e água, tendo como fonte de energia a luz. Essa energia é captada por pigmentos, como a clorofila, que transferem-na para ligações em complexos orgânicos.  Todos os de mais compostos, essenciais para estrutura e metabolismo celular da planta, são produzidos a partir desses compostos orgânicos resultantes da fotossíntese  



Pigmentos Fotossintetizantes 


Entre os pigmentos que participam da fotossíntese estão as clorofilas, os carotenóides e as
ficobilinas. Somente as ficobilinas são solúveis em água.
  As clorofilas são pigmentos que dão aos vegetais sua cor verde e característica. A clorofila a tem cor verde  azulada e aparecem em todas as células fotossintetizantes que liberam oxigênio. A clorofila b tem cor verde amarelada, sendo encontradas nas plantas superiores e nas algas verdes.
Os carotenóides e as ficobilinas  tem a ocorrência mais restrita: os carotenóides ocorrem nas plantas verdes e em algumas algas, e as ficobilinas ocorrem nas algas vermelhas e em algumas algas azuis.

Quanto as suas modificações as folhas desempenham as seguintes funções: 

Função Protetora

Escamas- folhas sésseis encontradas em rizomas e bulbos. Podem funcionar também como órgãos de reserva.

Brácteas- folhas modificadas, quase sempre coloridas que protegem flores isoladas ou inflorescência. Muitas vezes funcionam como elementos de atração, auxiliando a polinização.

Espinhos- elementos pontiagudos, nesse caso resultantes da transformação das folhas. Ex: cactus.  

Função Nutritiva

Cotilédones- folhas encontradas no embrião da semente, podendo acumular reservas, que serão consumidas a medida que a plântula vai se desenvolvendo. 
Folhas insetívoras- encontradas em plantas carnívoras, adaptadas a função de prender e digerir pequenos animais, pelo fato de possuírem glândulas cuja a secreção  é rica  em enzimas proteolíticas. 
 

Função de fixação

Gavinhas- São estruturas filiformes, simples ou bifurcadas na extremidade, com a função de agarrar ramos, galhos, folhas, ou qualquer outro objeto que sirva de apoio para a planta em crescimento.

Função de Reprodução

Reprodução vegetativa- as folhas de certas plantas podem funcionar como elementos de reprodução vegetativa. As novas plantinhas formam-se em cavidades dos bordos da folha onde existem células meristemáticas. 
Soros- estruturas reprodutoras encontradas nas pteridófitas e que representam  um conjunto de esporângios onde são formados os esporos. 
Antófilos- certos elementos florais representam folhas modificadas adaptadas para reprodução e são denominados antófilos.
  


Nenhum comentário:

Postar um comentário